Entre sons, ritmos e tradição: arte e o legado do Mestre Raimundo Aniceto - Sesc

Notícias Sesc CE

Entre sons, ritmos e tradição: arte e o legado do Mestre Raimundo Aniceto

seg 19 de outubro de 2020 11:11

Mestre Raimundo Aniceto foi um dos herdeiros genuínos da música e da dança do povo Cariri. Ele foi membro remanescente da segunda formação da Banda Cabaçal dos Irmãos Aniceto, que, ao longo de sua trajetória, fez das ruas das cidades da região – e do mundo – o seu palco, escrevendo sua história na cultura popular, da música ao artesanato. Mais do que encantar o público com o seu talento nato e sua alegria de viver, o Mestre fez questão de passar o seu legado adiante, tanto que o grupo já está em sua quarta geração, com os ensinamentos de Raimundo Aniceto na melodia, nos movimentos e no coração.

Em seus 86 anos, Mestre Raimundo Aniceto deixa a lembrança da sua presença marcante, vestido em uma camisa azul e seu chapéu preto. A Banda Cabaçal dos Irmãos Aniceto foi criada pelo seu avô, que tinha no sangue a ancestralidade dos índios Kariri. Ele, por sua vez, pediu que, no dia que partisse, os filhos continuassem com a tradição. E assim foi feito! Raimundo Aniceto entrou no grupo aos seis anos, ao lado dos pais, irmãos e primos. Os instrumentos utilizados eram fabricados pelas mãos dos próprios membros, a exemplo dos pifes, que são de taboca e da zabumba, que é de timbaúba e couro de bode, este último costumava ser produzido pelo próprio mestre.

A Banda tem nada mais, nada menos, do que 200 anos de história, com apresentações memoráveis no Cariri, em diversos estados do Brasil e até em outros países. Hoje, seus sobrinhos seguem à frente do grupo e, acima de tudo, preservam o que a nossa arte e a nossa cultura tem de melhor e mais bonito, como lembra, com carinho Adriano Aniceto. “Certa vez, ele disse assim: ‘óh, dê continuidade, junte os meninos, não deixe acabar essa tradição. Passe para os filhos, passe para a juventude essa cultura, que é uma identidade e uma origem”, recorda.

Em agosto de 2019, o Sesc Ceará inaugurou o Museu Casa do Mestre Raimundo Aniceto, o primeiro do Crato, cujas portas se abrem à visitação do público com o intuito de preservar a história do grupo e os instrumentos artesanais. Na ocasião, os músicos cantaram e elaboraram passos durante o primeiro dia de programação do “I Seminário Internacional Patrimônio da Humanidade Chapada do Araripe” com a presença do Sistema Fecomércio Ceará, no nosso braço social do Sesc, e da Fundação Casa Grande de Nova Olinda.

 

Homem forte e dedicado às suas origens, Mestre Raimundo Aniceto, que nos deixou na última quinta-feira (15), fez da sua morada e da sua história um palco “vivo” da cultura popular em toda a região. Mas seu legado continua, como sempre foi e como deve ser. “É por isso que a gente vem, com a maior alegria, representando nosso Ceará e nossa cultura. Enquanto existir os Irmãos Aniceto, o folclore não se acaba no Brasil”, finaliza Adriano Aniceto.

 

Para a gerente do Sesc Crato, Heliane Aragão, o Mestre era visto como um “homem forte e dedicado as suas origens, fez da sua morada e da sua história um palco “vivo” da cultura popular em toda a região. Sentimos essa grande perda para a cultura popular e nos solidarizamos a todos os companheiros de banda”, declara.

 

Mestre Aniceto, “mesmo com a fala debilitada, por conta de complicações de saúde, nunca deixou de se expressar, de manifestar alegria, tradição com a dança e com a música. Assimilo ele muito como um pássaro de verdade: porque ele tinha um espírito livre, gostava muito de cantar, além de tocar e dançar. Vai fazer muita falta, mas ele cumpriu de verdade sua missão, deixando um legado muito bonito e abençoado que jamais será esquecido. O Sesc carrega esse compromisso, de perpetuar toda a história dele, e de homenagear também todos os demais mestres em vida”, conclui a gerente do Sesc Juazeiro do Norte, Elane Barbosa.

Acesso Rápido

Leia Também

TV Fecomércio

A Fecomércio TV é uma área corporativa na internet. Nela será transmitida a programação da Fecomércio, Sesc, Senac e IPDC. Também será um espaço de divulgação da agenda administrativa e de eventos da instituição.

Facebook

Instagram